top of page
  • Gradvolh Abrantes - Maylda Alves - Solange Farias

Lar de idosos faz ensaio fotográfico recriando capas de discos famosos

Atualizado: 11 de mai. de 2021

O ensaio aconteceu num lar para idosos Sydmar Lodge que fica na Inglaterra, que estiveram em lockdown durante quatro meses. Para quebrar a rotina que o isolamento trouxe para todos no mundo todo, esse período foi quebrado com um ensaio fotográfico com muita criatividade. O coordenador de atividades Robert Spaker teve a brilhante ideia de reproduzir capas de álbuns famosos usando os próprios idosos do lar.


Em entrevista para a BBC o coordenador conta como foi que surgiu a ideia, veja trecho de sua fala. “Eu tive essa ideia há cerca de um mês. Comecei tirando fotos e escolhendo quais residentes tinham uma vaga similaridade com o artista, e partiu daí”. As fotos foram postadas em seu Twitter de onde virou notícia.



O ensaio traz uma narrativa muito elaborada pelo fato de ter sido fora de um estúdio convencional, onde tem uma boa iluminação e recursos onde possa projetar um ensaio de caráter profissional. Porém, como as pessoas fotografadas não poderiam sair por causa da pandemia, o ensaio foi feito no próprio abrigo, já que as pessoas envolvidas fazem parte da área de risco, não podendo assim se expor em aglomeração.


O ensaio em si traz uma história de vida dos personagens quanto dos famosos. A produção foi tão profissional quanto se fosse num estúdio.


A ética na fotografia deve se levar em conta que ambas as partes, fotógrafo e fotografados, estejam em acordo. Este ensaio fotográfico nos apresenta um cuidado sobre cada fotografado, pelo fato deles viverem num ambiente coletivo, mas ambos com sua individualidade protegida.


As fotos em sim não quebram nenhum principio ético mesmo que a intensão primária do ensaio era apenas uma distração para sair da rotina de uma quarentena.


Os direitos autorais de um ensaio fotográfico é do fotografo, pois ele é o idealizador da produção de cada detalhe, totalmente dentro das normas da ética. Sendo assim neste ensaio o direito das fotos é do Robert Spaker. Com os devidos princípios restabelecidos para não ferir nenhum dos envolvidos.


Com seu formato de apresentação é fotonotícia, vem trazendo ao publico leitor a notícia de como os idosos estão se distraindo num momento conturbado para todos. O ensaio chamou tanto a atenção que viralizou ao ponto de se tornar notícia no mundo todo. Quem não gostaria de fazer um ensaio fotográfico de uma forma divertida, só pra sair da rotina?


Neste período de pandemia tudo mudou e se reinventou, todos os cuidados em reduzir a quantidade de pessoas no estúdio ou até mesmo indo até a casa do fotografado ou até em formato remoto. O material usado entre os envolvidos passa a ser individualmente assim evitando o contágio.



REFERÊNCIA:

 

Ficha Técnica:

Monitora: Oma Roxana

Supervisor editorial: Rostand Melo


*Observatório de fotojornalismo:

O Coletivo F8 optou por produzir análises sobre produções de fotojornalismo realizadas e publicadas em 2020 como alternativa de manter a produção acadêmica dos estudantes de fotojornalismo da UEPB, respeitando os protocolos de distanciamento social. São analisadas fotografias publicadas em revistas, jornais ou portais de notícias e que abordam temas diversos, mas que foram produzidos no contexto da pandemia.

25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page