top of page
  • silvagabriel6

Cartolas: os engravatados com a missão de organizar o jogo além dos seus interesses

Figuras que controlam os acontecimentos do futebol, decidem por milhões de apaixonados e estão por trás dos eventos mais grandiosos, bem como das grandes polêmicas do esporte mais fascinante do mundo. Os dirigentes são personalidades responsáveis por tornar o futebol tão grandioso, mas também são os personagens que o tornam tão controverso.


O esporte, marcado por sua imprevisibilidade, tem se tornado cada vez mais previsível, favorecendo os mais influentes. Esses indivíduos detêm o poder não apenas de impactar o jogo dentro das quatro linhas, mas também de influenciar os acontecimentos para além do campo.



Foto: Gabriel Barbosa

O futebol é o esporte mais popular do planeta, onde 22 jogadores divididos em dois times se enfrentam buscando a vitória. Embora conhecido por esse duelo, nos bastidores são os cartolas que ditam o rumo.

Foto: David Pereira

Os cartolas são figuras influentes e políticas que ditam as ações e controlam o esporte mais popular do mundo. Apesar da sua popularidade, o futebol tem se inclinado cada vez mais para a elitização devido a visões e decisões questionáveis dessas personalidades.


Foto: David Pereira

Com bastidores um tanto quanto polêmicos, alguns dos principais eventos futebolísticos do planeta têm evidenciado que os interesses dos cartolas ainda influenciam o resultado conforme a conveniência do momento. A Copa do Mundo transformou-se em um evento repleto de manifestações de poder e articulação por parte desses dirigentes. A escolha polêmica da vez é a Copa de 2030, sediada na Arábia Saudita, em uma eleição amplamente questionada.


Foto: Gabriel Barbosa

Essas figuras polêmicas estão frequentemente envolvidas em confusões. Podemos enumerar diversos dirigentes que foram banidos do futebol, desde presidentes da FIFA (Federação Internacional de Futebol Associado) até presidentes de clubes, como aconteceu recentemente na Paraíba com a Operação Cartola, uma investigação sobre dirigentes denunciados por manipulação de resultados.


Ingresso meramente ilustrativo, produzido para o ensaio. Foto: Italo Felippi

Ao citar o futebol da Paraíba, é impossível não mencionar a grande dificuldade dos dirigentes em organizar seu campeonato estadual. Trata-se de uma competição curta, envolvendo dez clubes, que frequentemente enfrenta problemas organizacionais. O principal deles diz respeito à liberação dos estádios para a prática do futebol. Em 2023, na segunda divisão do estado da Paraíba, houve um clube que chegou a atuar no Estádio do Arruda, em Recife, capital de Pernambuco.



Foto: Kleyton Belarmino

Algo que os cartolas ao redor do mundo adoram comentar é a respeito da arbitragem. É nessas situações que eles impõem seu poder nos bastidores e ganham prestígio com seus torcedores. É comum os dirigentes questionarem a integridade dos árbitros e assistentes, mas poucos ou praticamente nenhum se dedica a promover a discussão sobre a profissionalização da arbitragem, não apenas no país, mas também globalmente.


Foto: Kleyton Belarmino

Com a implementação do árbitro de vídeo e o aumento da intensidade física do jogo, exige-se mais desse profissional. Ele precisa estar extremamente concentrado, preparado fisicamente e também tecnicamente. Sem dúvida, é a função mais difícil no campo de futebol, porém, paradoxalmente, é a mais negligenciada. Os árbitros frequentemente ficam no centro das críticas, sendo alvos de xingamentos por parte da torcida e dos jogadores, além de serem pressionados por dirigentes. Nos bastidores, esses profissionais não recebem o devido cuidado que deveriam. Contudo, é desafiador conseguir apoio dos cartolas, uma vez que os interesses costumam ser outros.


 

EXPEDIENTE:

Produção e fotografia: David Pereira, Gabriel Barbosa e Kleyton Belarmino 

Supervisão editorial: Rostand Melo 

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page