top of page
  • Fernando Pereira

Cuidado redobrado: queimaduras por fogos durante o São João

O mês de junho chegou e as festividades juninas estão a todo vapor. Comida, dança e música são uns dos aspectos que marcam a celebração do período de São João no nordeste. Mas existe outro aspecto que exige cuidado e atenção: os fogos juninos.


Fotografia: Anderson Ramos

De variados nomes, cores, formatos e potenciais explosivos, eles fazem parte dessa festividade e, quando não manuseados de forma cuidadosa podem provocar ferimentos dolorosos.


De acordo com dados do Hospital de Trauma de Campina Grande, no ano de 2023, 66 pessoas deram entrada na unidade devido a queimaduras, sendo 14 delas por conta de ferimentos acometidos pelos fogos de São João.


Já na capital paraibana, João Pessoa, 111 pessoas foram atendidas devido a essa questão, e 15 delas foram socorridas devido aos fogos de artifício, de acordo com dados do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena.


As imagens a seguir são uma simulação, produzida em ambiente controlado. Mas representam um risco real. Confira as imagens do ensaio de fotoilustração:



Por isso, medidas da precaução são mais que necessárias para evitar que acidentes aconteçam, assim sendo possível festejar esse período sem transtornos. Confira algumas medidas que devem ser seguidas:


  • Utilizá-los ao ar livre. Nada de ambientes fechados, com pessoas ou animais ao redor

  • Jamais deixe crianças fazerem o uso sem a supervisão de um adulto

  • Não tente reacender o produto caso não exploda

  • Compre artefatos que estejam de acordo com a regulamentação do INMETRO

  • Não ingerir bebida alcoólica quando for manusear os fogos

  • Manter uma boa distância do artifício

  • Sempre ler as instruções de uso no rótulo da embalagem


É muito comum que em casos de queimaduras as pessoas sigam métodos não científicos na tentativa de aliviar os sintomas. Mas de acordo com o Ministério da Saúde, nesses casos o que se deve fazer é resfriar a queimadura com água em temperatura ambiente, enfaixar o local do ferimento com um pano limpo e em seguida procurar os serviços de saúde.


Já em casos graves, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ou o Corpo de Bombeiros devem ser acionados imediatamente, nos números 192 para o SAMU e 193 para o Corpo de Bombeiros.


Confira mais imagens do ensaio de fotoilustração no slideshow:


 
EXPEDIENTE

Supervisão Editorial: Rostand Melo

37 visualizações0 comentário

Yorumlar

5 üzerinden 0 yıldız
Henüz hiç puanlama yok

Puanlama ekleyin
bottom of page